Para 50%, governo Bolsonaro é ruim ou péssimo

Para 50%, governo Bolsonaro é ruim ou péssimo
Compartilhe

O presidente Jair Bolsonaro é considerado “ótimo” ou “bom” por 28% da população brasileira e “ruim” ou “péssimo” por 50%, de acordo com pesquisa PoderData realizada nesta semana (21-23.jun.2021). As duas taxas variaram negativamente na margem de erro, de 2 pontos percentuais, em relação a duas semanas antes.

A fatia dos que avaliam o presidente da República como “regular” oscilou de 17% para 19%, também na margem. Os que dizem não saber como responder são 3%; há 15 dias, eram 1%.

As variações indicam um quadro estável. A taxa de avaliação positiva de Bolsonaro tem variado na faixa de 24% a 30% desde o final de março.

Nessas duas semanas em que as taxas oscilaram na margem de erro, o país teve manifestações expressivas a favor e contra a gestão palaciana atual. Em 12 de junho, o presidente participou de um desfile de motos em seu apoio, em São Paulo. No sábado seguinte (19.jun), opositores do governo realizaram protestos em várias cidades pedindo a saída do presidente e a aceleração da vacinação.

O Brasil também atingiu neste período a marca de 500 mil mortes pelo coronavírus. Dados da pandemia indicam que o país ultrapassou a Índia e hoje é o líder na média móvel de mortes diárias pela covid-19.

O resultado desta pesquisa também captou em parte o impacto do episódio de quando o presidente irritou-se com uma jornalista da TV Vanguarda, afiliada da Globo em São Paulo, ao sair de um evento em Guaratinguetá (SP) na 2ª feira (21.jun). Usando palavrões, Bolsonaro tirou a máscara e mandou a repórter Laurene Santos “calar a boca”.

Para a matéria completa clique neste link

Fonte: Poder360

CATEGORIAS
TAGS