“Tudo o que está acontecendo com o Ítalo é totalmente por mérito”, destaca o amigo e também surfista potiguar Jadson André

“Tudo o que está acontecendo com o Ítalo é totalmente por mérito”, destaca o amigo e também surfista potiguar Jadson André
Foto: Daniel Smorigo – WSL
Compartilhe

Um dos grandes nomes do Brasil nas Olimpíadas de Tóquio é o surfista potiguar Ítalo Ferreira, apontado como um dos favoritos ao ouro. Campeão do WSL em 2019, o momento do atleta de Baía Formosa é fruto de muitos anos de dedicação. É o que garante o amigo e também surfista potiguar, Jadson André.

“O grande diferencial do Ítalo para o resto da turma é o nível de disciplina que ele tem, a determinação. Acho que ele é o cara que mais treina. Tudo o que está acontecendo com ele é totalmente por mérito do que ele vem plantando”, afirmou.

Sobre as Olímpiadas, Jadson acredita que o grande rival de Ítalo é o brasileiro Gabriel Medina, mas que um detalhe em especial pode fazer a diferença para o potiguar, que já declarou que nunca surfou na praia de Tsurigasaki, onde acontece a competição. “Acho que o surfista não tem dificuldade de surfar onde não conhece. No caso do Ítalo, as ondas da praia (Tsurigasaki) são parecidas com as do Rio Grande do Norte (ondas pequenas)”.

Ítalo Ferreira estará na primeira bateria em Tóquio que tem início previsto para às 19h (horário de Brasília) do dia 24 julho.

CATEGORIAS