Potiguar de 20 anos vence primeira etapa do Brasileiro Profissional de Surfe

Potiguar de 20 anos vence primeira etapa do Brasileiro Profissional de Surfe
Potiguar Mateus Sena (no centro) vence 1ª etapa do Brasileiro Profissional de Surfe e larga na frente na disputa pelo título de 2022 — Foto: Eros Sena
Compartilhe

O potiguar Mateus Sena, de 20 anos de idade, foi o grande campeão da primeira etapa do Brasileiro Profissional de Surfe organizado pela Confederação Brasileira de Surfe. O evento aconteceu em Maceió e teve 180 inscritos na categoria masculino.

Na semifinal Mateus enfrentou o paraibano Samuel Igo. O potiguar apostou nas esquerdas e acabou levando a melhor somando 13,20 contra 12,26 de Samuel.

Já na final a disputal foi entre Mateus e o cearense Messias Félix. Foram 30 minutos de uma belíssima apresentação de surfe de alto nível.

Com manobras progressiva e variadas, o potiguar fez a melhor nota e a maior somatória do evento. Ele teve um 9,57 e um 8,83 somando 18,40. A bateria foi acirradíssima do início ao fim e Messias Félix ficou com a segunda colocação somando 17,31.

– Eu estou muito feliz com essa vitória, estou feliz com essa nova fase do surfe brasileiro com essa nova gestão da CBSurfe, a galera está de parabéns. É o primeiro evento de muitos e eu estou feliz de botar o meu nome na história, de ser o primeiro campeão nessa nova gestão, de começar com o pé direito, ser líder do ranking – disse o atleta que já parte para Sergipe onde vai competir a Taça Brasil.

Mateus falou ainda da importância de ter o técnico junto com ele nas competições.

– Tem muita gente que se prende à ideia de que a gente não deve depender de ninguém na areia, mas eu gosto da ideia de que duas cabeças pensando juntas pensam melhor. A gente junto é muito mais forte, a gente provou isso aqui e como eu disse pra ele: fomos incríveis.

O campeonato contou com a participação de atletas consagrados como Adriano de Souza, Michael Rodrigues, William Cardoso e Alex Ribeiro.

Com o resultado, Mateus Sena assume a liderança do ranking do Circuito Brasileiro Profissional de Surfe 2022.

Fonte: geRN

CATEGORIAS