Medalhista em Tóquio critica CBF e jogadores por comportamento no pódio olímpico: “Alienados”

Medalhista em Tóquio critica CBF e jogadores por comportamento no pódio olímpico: “Alienados”
Getty Images
Compartilhe

O medalhista de bronze nos 50m livre da natação em Tóquio 2020, Bruno Fratus, usou as redes sociais para criticar abertamente a CBF e os jogadores da seleção brasileira de futebol masculino pelo não uso do agasalho do Time Brasil no pódio após a conquista do ouro.

– A mensagem foi clara: não fazem parte do time e não fazem questão. Também estão completamente desconexos e alienados as consequências que isso pode gerar a inúmeros atletas que não são milionários como eles – disse Fratus.

O comentário de Bruno Fratus aconteceu após o Comitê Olímpico Brasileiro soltar uma nota criticando a entidade e os próprios jogadores, que priorizaram a camisa de jogo.

“O Comitê Olímpico do Brasil repudia a atitude da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e dos jogadores da seleção de futebol durante a cerimônia de premiação do torneio masculino.

No momento, as energias do Comitê estão totalmente voltadas para a manutenção dos trabalhos que resultaram na melhor participação brasileira na História das Olimpíadas.

Por este motivo, apenas após o encerramento dos Jogos o COB tornará públicas as medidas que serão tomadas para preservar os direitos do Movimento Olímpico, dos demais atletas e dos nossos patrocinadores”.

CATEGORIAS
TAGS