VÍDEO: Médica e deputada pelo RN pede que médicos assediem pacientes para votar em Bolsonaro; prefeito de Natal estava presente

0
21

O assédio eleitoral está escancarado no Rio Grande do Norte e até o momento sem reação dos órgãos de fiscalização. Em evento realizado neste domingo (23) na Associação Médica do RN, a oftalmologista e deputada federal Carla Dickson (UB) sugeriu aos colegas médicos que assediem diretamente os pacientes durante as consultas para votar em Bolsonaro.

Na fala, gravada em vídeo, ela ri e debocha até se a vítima deixar de se consultar com o possível assediador:

A assessoria da vereadora Brisa Bracchi (PT) informou que a parlamentar apresentará uma denúncia contra Carla Dickson já nesta segunda-feira junto ao Ministério Público Eleitoral e o Ministério Público do Trabalho.

O evento realizado nesse domingo (23) foi batizado de Médicos pelo Brasil. No palco, estavam o presidente do Conselho Regional de Medicina Marcos Jácome, que também fez discurso e assistiu impávido o crime cometido pela médica bolsonarista.

Também participaram o prefeito de Natal Álvaro Dias, o secretário municipal de Saúde George Antunes, o deputado federal general Girão, o deputado federal Sargento Gonçalves, a médica Roberta Lacerda, além do casal Albert e Carla Dickson.

No auditório, médicos com a camisa amarela e da Seleção Brasileira, além de faixas onde se lia “Lealdade a Bolsonaro”.

O Potiguara Online procurou a assessoria de comunicação da deputada, mas foi informado que a parlamentar não irá se posicionar sobre a fala.

Com informações da Agência Saiba Mais