Startup do RN recebe aporte de R$ 2,3 milhões de grupos nacionais

Startup do RN recebe aporte de R$ 2,3 milhões de grupos nacionais
Divulgação/Alberth Klinsmann
Compartilhe

A AutoForce, martech com foco em desenvolvimento de tecnologias e soluções de marketing digital para o setor automotivo, acaba de receber um aporte de R$ 2,3 milhões dos grupos de investidores anjo BR Angels e GV Angels. Criada em 2015 e com um portfólio de mais de 550 clientes, dentre concessionárias, revendas e montadoras, essa é a primeira vez que a startup participa de uma rodada de investimentos. O objetivo da captação é acelerar o lançamento da plataforma AutoCommerce, o primeiro e-commerce para venda de veículos 100% online do Brasil. A startup faz parte do Parque Tecnológico do Instituto Metrópole Digital (IMD), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

O AutoCommerce permitirá a criação de uma loja virtual personalizada, focada na apresentação do produto e na experiência de compra do consumidor. Dessa forma, vai conectar vendedores com compradores de veículos, que poderão percorrer todo o processo de aquisição de forma online, desde a seleção de características do veículo, avaliação digital de usados, simulação de financiamento diretamente com bancos parceiros, pagamento e contrato digitais e até home delivery. A experiência de conhecimento do veículo será enriquecida por meio de fotos, vídeos, imagens em 360 graus e chamadas de vídeo com um vendedor especialista, caso o cliente deseje.

Outros benefícios práticos da plataforma para as empresas do setor automotivo serão integração do estoque, organização e gerenciamento dos pedidos de compra, listas de clientes e solicitações de financiamento. O vendedor ainda poderá contar com insights mercadológicos a partir da análise do perfil e comportamento do consumidor, além de relatórios personalizados para a operação de vendas on-line com base nos principais indicadores da loja virtual. Para promover essa transformação digital no mercado, a AutoForce receberá, como remuneração, uma comissão de 0,3% sobre o veículo vendido.

“Apesar de ser multi bilionário, o mercado automotivo é pouco tecnológico e está precisando de grandes mudanças estruturais em seus modelos de negócios. Queremos tornar as vendas complexas em experiências incríveis, conectando compradores e vendedores de veículos por meio do comércio eletrônico. Isso não será uma tarefa fácil, mas estamos dispostos a fazer acontecer. Nos últimos cinco anos, ajudamos centenas de concessionárias, revendedores e montadoras, como a Stellantis e HPE, a tornarem-se mais ágeis e independentes, mas sempre sonhamos com o dia em que as pessoas pudessem fazer todo o processo de visitar as lojas de concessionárias e revendas de forma online”, declara um dos fundadores e CEO da AutoForce, Tiago Fernandes.

Solução atrai investimentos

A decisão pelo co-investimento das redes de investidores anjo BR Angels, formada por empreendedores e executivos C-Level de grandes corporações, e do GV Angels, formada por ex-alunos da Fundação Getúlio Vargas (FGV), foi pautada no potencial de impacto econômico e social enxergado na AutoForce.

Para Orlando Cintra, fundador e CEO do BR Angels, a empresa já realizava um trabalho de destaque e, com o lançamento do AutoCommerce, promete acelerar ainda mais a inovação no setor. “Com a solução digital para a compra e venda de automóveis, nós acreditamos que a empresa vai aquecer a economia e impactar os hábitos da sociedade. Por isso, a escolhemos para receber um investimento que vai muito além do financeiro e se caracteriza como smart money, pois também vamos somar com capital intelectual”, afirma.

Já segundo Wlado Teixeira, Diretor Executivo do GVAngels, o ideal da equipe AutoForce em revolucionar o mercado automotivo foi crucial para a decisão de investir. “A AutoForce é referência no território nacional, a startup já possui alguns dos principais grupos de concessionárias como clientes e promete expandir a atuação com a proposta da plataforma AutoCommerce. O time se mostrou dedicado e com propriedade no negócio, o que só reforçou a nossa decisão de investir”, explica.

De acordo com o CEO da martech, a chegada dos grupos de investimento anjo BR Angels e GV Angels mostra que a AutoForce está no caminho certo. “A confiança de fundos importantes sinaliza que estamos fazendo um bom trabalho e marca uma nova fase para a nossa empresa. Não queremos apenas dinheiro, até porque chegamos até aqui sendo 100% bootstrap. Buscamos conhecimento, conexões e o caminho das pedras para desafios que já foram resolvidos por outros empreendedores e investidores que fazem parte das redes”, declara.

Sobre a AutoForce

A AutoForce, martech que desenvolve tecnologias e soluções de marketing digital para o segmento automotivo, tem o objetivo de digitalizar e potencializar as vendas de carros novos e semi-novos de concessionárias, além de auxiliar na gestão de negócios e dados. Fundada em 2015 por Tiago Fernandes, Isaiane de Mendonça e Clênio Cunha, a empresa faturou cerca de R$ 3 milhões no último ano e espera crescer 50% em 2021. Entre os parceiros da startup já estão marcas como Suzuki, Toyota, Mitsubishi e Stellantis – Joint venture com 14 marcas, incluindo: Fiat, Jeep, Citroen, Peugeot, Alfa Romeo, Chrysler, Dodge entre outras. A sede da startup fica localizada em Natal, capital do Rio Grande do Norte.

Sobre o BR Angels

Formado em 2019, o BR Angels Smart Network é uma associação nacional composta por mais de 150 empreendedores e CEOS de importantes empresas que, além de capital financeiro, entregam capital intelectual, valorizando sobretudo o conceito de smart money.

Com perfis variados em alta gestão, recursos humanos, finanças, vendas, marketing, tecnologia, entre outros, os integrantes do BR Angels são todos C-Level e estão conectados a grandes companhias que, juntas, somam mais de R$ 1 trilhão em valor de mercado. 

O BR Angels surge não só para preencher a lacuna de atuação com smart money identificada entre os grupos de investimento anjo do Brasil, mas também para suprir a falta de associações compostas por CEOs, conselheiros e importantes empreendedores dentro do segmento de startups no país.

Inicialmente, o foco do BR Angels está em negócios que operam nos segmentos B2B, B2B2C e B2C, dentro dos quais o smart money possa ser amplamente empregado por meio de mentorias. Deste modo, o grupo espera auxiliar iniciativas sólidas de empreendedorismo para que possa contribuir de maneira efetiva com o desenvolvimento econômico do Brasil e da América Latina.

Sobre o GVAngels 

O GVAngels é o grupo de investidores-anjo formado por ex-alunos da FGV. Desde sua fundação, em abril de 2017, a rede de 260 alumnos da escola já investiu cerca de R$20 milhões em 31 startups de alto potencial de crescimento e escala no Brasil, Estados Unidos e Reino Unido. Além do aporte financeiro, as empresas investidas recebem acesso ao smart money de executivos C-Level e empreendedores de sucesso que compõem o grupo.

CATEGORIAS
TAGS