Vereador tem processo de cassação aprovado após fala racista

Vereador tem processo de cassação aprovado após fala racista
Compartilhe

Por unanimidade, o vereador Camilo Cristófaro teve processo de cassação aprovado nesta quinta-feira (19). Ele foi denunciado à Corregedoria Parlamentar pela vereadora Luana Alves (PSOL) após proferir fala racista.

Os seis vereadores que participaram da reunião desta quinta-feira, votaram a favor do relatório da vereadora. Luana foi uma das primeiras a protestar contra a fala de Cristófaro, que se referiu a lavar o chão como  “coisa de preto” durante sessão da Câmara de São Paulo. 

“Eles arrumaram e não lavaram a calçada. É coisa de preto, né”, disse o vereador, antes de perceber que seu áudio podia ser ouvido por todos que estavam no local.

Logo após a declaração, o PSB, desfiliou Cristófaro. O procedimento foi feito de forma sumária, sem necessidade de passar pelo Conselho de Ética da legenda.

Com a aprovação na Corregedoria Parlamentar, o processo de cassação agora será encaminhado ao plenário para votação de todos os vereadores paulistanos. 

Fonte: IG

CATEGORIAS