Não existe ‘fome pra valer’ no Brasil, afirma Bolsonaro em podcast de fisiculturismo; vídeo

0
29

O presidente Jair Bolsonaro (PL) declarou, na noite desta sexta-feira, que não existe “fome pra valer” no Brasil. A afirmação ocorreu durante uma entrevista concedida ao Ironberg Podcast, do professor de educação física e atleta de fisiculturismo Renato Cariani. Mais cedo, Bolsonaro já havia afirmado, em participação no programa “Pânico”, que não se vê, no país, pessoas “pedindo pão no caixa da padaria”.

— Fome no Brasil? Fome pra valer. Não existe da forma como é falado. O que é a extrema pobreza? É você ganhar até 1,9 dólares por dia. Isso dá R$ 10. O Auxílio Brasil são R$ 20 por dia. Então, quem por ventura está no mapa da fome, pode se cadastrar e vai receber. Não tem fila. São 20 milhões de famílias que ganham isso aí — afirmou o presidente.

De acordo com o 2º Inquérito Nacional sobre Insegurança Alimentar no Contexto da Pandemia da Covid-19 no Brasil, divulgado em junho, 33,1 milhões de brasileiros passam fome atualmente, patamar equivalente ao de três décadas atrás. O mesmo levantamento apontou que 125,2 milhões de brasileiros vivem com algum grau de insegurança alimentar — ou seja, não têm acesso pleno e regular aos alimentos de qualidade, em quantidade suficiente, sem comprometer o acesso a outras necessidades essenciais. O número corresponde a mais da metade (58,7{b2ea2051b663ce630b341aaee7f8d16d07d69a19186d868a7d635eb2b503dea9}) da população do país.

Bolsonaro, porém, também afirmou no podcast que “esse discurso de 30 milhões passando fome não é verdade”. O presidente levantou suspeitas sobre o estudo que revelou o número de famintos e alegou, sem apresentar provas, que ele teria sido elaborado por “pessoas que vendem mentiras do Brasil”.

Fonte: UOL