Governo vai revisar cerca de 170 mil benefícios por incapacidade temporária

Governo vai revisar cerca de 170 mil benefícios por incapacidade temporária
Compartilhe

O Ministério da Economia informou nesta quarta-feira (30) que os segurados da Previdência Social que estão recebendo benefício por incapacidade temporária (antigo auxílio-doença) há mais de seis meses sem passar pela perícia médica, e que não possuem data de término fixada, poderão ser convocados pelo INSS para reavaliação da incapacidade pela Perícia Médica Federal.

Segundo estimativas do governo, cerca de 170 mil benefícios devem ser revisados entre agosto e dezembro de 2021. O objetivo é “evitar que os cofres da Previdência sejam onerados pelo pagamento indevido desses benefícios”, informou o Ministério da Economia.

De acordo com a pasta, as convocações começarão a ser expedidas no início da próxima semana e o agendamento observará a capacidade operacional da Perícia Médica e das Agências da Previdência Social, conforme os critérios sanitários definidos para o atendimento.

Fonte: G1

CATEGORIAS
TAGS