Bolsonaro: “Não vêm morrendo crianças que justifiquem uma vacina”

Bolsonaro: “Não vêm morrendo crianças que justifiquem uma vacina”
Compartilhe

Ao desembarcar no litoral de Santa Catarina para mais dias de descanso, Jair Bolsonaro renovou suas críticas à vacinação contra a Covid em crianças.

O presidente disse que, no próximo dia 5, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, deve “divulgar nota sobre como acha que devem ser vacinadas as crianças”.

Bolsonaro disse esperar que “não haja interferência do Judiciário”.

“Espero que não haja, porque a minha filha não vai se vacinar. Deixar bem claro.”

Laura, a filha de Bolsonaro com Michelle, tem 11 anos.

O presidente também afirmou que “não vêm morrendo crianças que justifiquem uma vacina nas crianças”.

Desde o início da pandemia até o último dia 6, a Covid matou 301 crianças entre 5 e 11 anos no Brasil.

Fonte: O Antagonista

CATEGORIAS